É a demo da PlayStation 4 Pro que muitos queriam ver - mas não aconteceu. Isto é Uncharted 4 a 60 fotogramas por segundo, e é sensacional. A nova consola da Sony foi construída especialmente para correr motores PS4 em resoluções superiores com níveis de performance similares às da normal, mas muitos esperavam uma abordagem diferente. O vídeo nesta página é uma espécie de "e se", algo que não aconteceu. E se o aumento de 2.3x na GPU da PS4 Pro fosse usado para duplicar o rácio de fotogramas em Uncharted 4?

Esta demo não foi capturada em tempo real e não foi preciso acesso à PS4 Pro - isto é derivado da consola normal a correr na versão à venda. No jogo tens a possibilidade de desbloquear batotas e bónus - um deles é o modo slow-motion. Isto mantém o rácio de fotogramas a 30fps, mas torna a acção mais lenta.

O vídeo capturado foi acelerado em 200%, anulando o efeito slow-motion e convertendo os 30fps para 60fps. É um belo truque e a ideia não foi nossa, foi usada primeiro por Kanuuna do NeoGAF, que nos contactou e nos mostrou a sua ideia com um vídeo em Madagáscar, que podes ver aqui - sim, mais vídeos de Uncharted 4 a 60fps! Existem dois compromissos - primeiro, o áudio não pode ser reconstruído sem um eco metálico e segundo, o novo não está a correr a metade da velocidade em modo slow-mo. Apesar do aumento de 200% na velocidade nos dar o rácio de fotogramas desejado, também da a impressão de o jogo correr mais rápido do que corre na realidade. Uncharted 4 Turbo Edition?

As melhorias ao correr o jogo a 60fps são óbvias. Está simplesmente fenomenal - especialmente as físicas durante as set-pieces, absolutamente arrebatadoras. Como amostra de como este título de topo poderia ser a 1080p60, o apelo é inegável - apenas ficamos a pensar no quão diferente poderia ter sido a reacção à PS4 Pro se isto tivesse sido demonstrado.

Uncharted 4 a 60fps - é épico.

A Naughty Dog optou por um caminho diferente. Tal como as outras demos de estúdios internos da Sony, a demo de Uncharted 4 na PS4 Pro opera numa resolução superior a 1080p (Arne Meyer da Naughty Dog não disse qual especificamente) e usa HDR. A performance está inalterada e o jogo corre a 30fps. Falta saber se um modo de rácio de fotogramas superior chegará ao jogo final, mas acreditamos que a Naughty Dog está focada na optimização de apenas um alvo para a PS4 Pro.

Após isto, a questão é porque não pode a PS4 Pro ser uma caixa 1080p60, tendo em conta os recursos GPU adicionais. Bem, a PS4 normal tem um claro défice na provisão da CPU - e é ainda mais desequilibrado na Pro. As capacidades gráficas sobem 130%, mas o núcleo CPU AMD recebe apenas uma melhoria de 30%. Duplicar o rácio de fotogramas pode levar a CPU além dos limites.

Isto pode explicar a performance inalterada em vários modos PS4 Pro em Rise of the Tomb Raider. Existe um modo optimizado para 4K, outro a 1080p30 e a capacidade de correr livre com resultados entre os 40-60fps. Tendo em conta que o modo 4K é fixe, a noção do modo 1080p não chegar aos 60fps parece inacreditável - não ser que exista um gargalo não-gráfico.

John e Rich discutem a PS4 Pro e como as novas funcionalidades não estão visíveis através das imagens e vídeos disponíveis.

Ao focar-se na resolução superior, levar Uncharted 4 para a PS4 Pro torna-se mais maneável - a mesma lógica mantém-se e a GPU é usada para apresentar mais pixeis. No caso de um jogo como Uncharted 4 - revisitado para a Pro - também pode existir um problema na gestão de recursos.

Optar por uma resolução superior e a mesma performance exige menos esforço ao invés de optimizar para 60fps. Não sabemos quantas pessoas estão a trabalhar na actualização de Uncharted 4 e The Last of Us para a Pro, mas sabemos que a Sucker Punch tem apenas duas pessoas para o mesmo trabalho em InFamous Second Son e First Light. É uma questão de tirar o máximo proveito do que está feito ao invés de investir imenso na optimização de um motor bom.

Será interessante ver as várias rotas escolhidas pelos estúdios para abordar a PS4 Pro mas até agora, tudo o que vimos aponta para funcionalidades suplementares às da PS4 base. Quem tiver a actual consola e não tiver um ecrã 4K pode nem perder muito, fora alguns efeitos super-sampling impressionantes. A maior fidelidade visual a 1080p é uma opção - uma rota escolhida pela Epic para Paragon.

O uso da PlayStation 4 Pro poderá variar de jogo para jogo e a forma como é usada pelos estúdios poderá mudar no futuro, consoante aprendem a usá-la. Dará uma nova dimensão aos nossos futuros confrontos.

Publicidade

Sobre o Autor

Richard Leadbetter

Richard Leadbetter

Technology Editor, Digital Foundry

Rich has been a games journalist since the days of 16-bit and specialises in technical analysis. He's commonly known around Eurogamer as the Blacksmith of the Future.