Brian Horton, director do jogo Rise of the Tomb Raider, explicou como é que a sua equipa irá puxar pelo poder da Xbox One para oferecer um jogo espectacular tanto a nível de jogabilidade como visual.

Horton contou que o facto de terem trabalhado com a edição definitiva de Tomb Raider permitiu-lhes conhecer melhor a consola da Microsoft e que aquilo que iremos ver no novo Rise of the Tomb Raider foi feito de raiz.

"Estivemos a trabalhar durante uma mudança de gerações onde aprendemos sobre o poder da nova geração de consolas quando desenvolvemos a edição definitiva de Tomb Raider, mas nós queríamos mesmo fazer Rise of the Tomb Raider do zero. Tudo foi escrito de novo, o motor de luzes foi reescrito, o motor de animações para a expressão facial de Lara Croft foi completamente refeito. Todo o nosso material de processamento, o motor de iluminação e tudo o resto foi melhorado para usar todo o poder da Xbox One," explicou Horton em entrevista com o GamingBolt.

O facto de estarem a trabalhar com a Microsoft por perto garantiu que a equipa não tivesse muitas dificuldades com a eSRAM ou com a própria consola.

"Temos uma relação fantástica com a Microsoft. Trabalhamos directamente com eles e fomos capazes de perceber como tirar melhor partido da consola e até agora tem sido uma experiência impecável."

Horton contou também que espera que no final a versão Xbox One atinja os 1080p e os 30fps.

Publicidade

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Mais artigos pelo Luís Alves