Kinect Destaques

Digital FoundryVisionário do Kinect sobre a tecnologia

"Decidimos ter o nosso bolo e também comer."

Alex Kipman – director de incubação na Xbox, e mentor por detrás do projecto Natal – deu uma entrevista espantosa ao nosso site irmão GamesIndustry.biz, entrando em considerável profundidade em alguns dos mais cruciais e controversos elementos do sensor de movimentos. É a entrevista pela qual a Digital Foundry teria matado, mas felizmente fomos capaz de esgueirar algumas questões à equipa GI.biz que revelaram novas informações sobre como o Kinect funciona e as formas pelas quais os seus sistemas estão integrados na Xbox 360.

Digital FoundryAnálise Tecnológica: Kinect

Digital Foundry sobre a latência, sobrecarga do CPU e como funciona.

É o dia depois da noite anterior, e uma oportunidade para reflectir no nosso hands-on demonstrativo do novo Kinect para a Xbox 360, contactar as nossas fontes e tentar juntar algumas das semelhanças do quadro técnico por detrás do dispositivo anteriormente conhecido como Projecto Natal.

ArtigoRescaldo Conferência Microsoft

Kinect e nova Xbox 360, as novas estrelas.

Com o fim da conferência da Microsoft, é altura de efectuarmos um rescaldo da posição estratégica da companhia para este ano, bem como o potencial do Kinect. Em primeiro lugar há que dizer que a conferência que terminou há minutos, foi um sucesso em termos do que a Microsoft queria passar para a audiência. Principalmente nas diversas formas que o Kinect poderá ser aplicado, umas melhores que outras, mas em suma, é um potencial que apenas os produtos finais ditarão o sucesso.

Conforme tínhamos prometido, aqui está a segunda parte da entrevista a Peter Molyneux, Director Criativo Europeu da Microsoft Games Studios, bem como Director do Lionhead Studios. Para aqueles que perderam a primeira parte, poderão ler aqui.

ArtigoExclusivo: Peter Molyneux

Project Natal, Milo e as emoções virtuais.

Depois de apresentado na Conferência da Microsoft durante a E3, o Project Natal, e o software apresentado de nome Milo, não se falava de outra coisa no evento. Como irá influenciar a indústria? Será um passo em frente em termos de jogabilidade? Estaremos a entrar num universo que mistura de forma errada o que realmente significa divertimento?