Square Enix afirma que um novo Final Fantasy 14 podia destruir a empresa

Atual diretor afirma que a equipa deveria ter ido buscar inspiração a World of Warcraft.

Final Fantasy XIV é um MMO da Square Enix, que foi lançado em 2010 para o PC e prometida uma versão para a PS3.

O jogo foi anunciado nesse mesmo ano e apanhou todos de surpresa, pois o Final Fantasy XIII estava ainda a caminho.

A reação do público não se fez esperar e o jogo acabou por ser reavaliado pela Square Enix, estando agora a preparar a versão Final Fantasy XIV: A Realm Reborn.

Olhando para o que aconteceu, o diretor do atual projeto, Naoki Yoshida, declarou ao Kotaku que a reação dos beta testers tinha sido negativa e que tinha alertado que lançarem o jogo como estava seria um grande erro.

Yoshida afirma que a equipa de produção deveria ter pegado no exemplo de World of Warcraft, da Blizzard, que deveriam ter passado um ano a jogar para "buscarem inspiração".

Sobre os erros cometidos em Final Fantasy XIV, Yoshida comenta também "Eles apenas tentaram fazer algo diferente a FF11, mas acabaram por não ter coisa alguma".

Sobre Final Fantasy XIV: A Realm Reborn, Yoshida afirma que será lançado apenas quando estiver pronto, que será apenas em 2013.

Rematando dizendo que "Não iremos cometer o mesmo erro como o de FF14. Se o fizéssemos, seria algo ao nível de destruir a companhia".

Salta para os comentários (7)

Sobre o Autor

Jorge Soares

Jorge Soares

EG.pt Master of Puppets  |  eurogamerpt

Sempre ocupado e cheio de trabalho, é ele quem comanda e gere a Eurogamer Portugal. Queixa-se que raramente arranja tempo para jogar, mas quando está mesmo interessado num jogo, lá consegue arranjar uns minutos. Tem mau perder e arranja sempre alguma desculpa para a sua derrota, mas no fundo, é o que todos fazemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (7)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários