Ryan Payton fala sobre a produção de Metal Gear Solid

Reconhece que nunca soube se havia sequelas.

Ryan Payton, antigo produtor da Kojima Productions, concedeu uma entrevista ao site 1UP onde falou sobre o seu futuro e sobre o seu papel na companhia de Metal Gear.

Payton falou sobre a produção do enredo do jogo dizendo que a série sempre deixou algo por contar para as sequelas, mas que no entanto nunca teve a certeza de que estas seriam comercializadas.

Payton diz que, "Os argumentos de MGS2 e MGS3 foram escritos sem nenhuma segurança de que haveria futuros jogos, deixando no ar dezenas de situações e elementos inexplicáveis."

Para o antigo responsável de comunicação da Kojima Productions, foi um milagre a equipa ter conseguido juntar todos aqueles elementos inexplicáveis e ter conseguido terminar, de forma coerente, o argumento da série com o jogo Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots.

Publicidade

Salta para os comentários (16)

Sobre o Autor

Luís Alves

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (16)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários