Apple removeu Fortnite da App Store e a Epic iniciou acção legal

Actualização: Google removeu-o da sua Play Store.

A Apple removeu Fortnite da sua App Store para dispositivos iOS e a Epic Games comunicou que iniciou uma acção legal contra a Apple devido às políticas que exerce sobre as companhias e aplicações.

Recentemente, a Apple tem sido contestada por companhias como a Facebook e Microsoft devido às políticas na sua App Store para dispositivos iOS, que as impede de executar em pleno os seus planos para as apps gaming que apresentam nestes dispositivos, mas a Epic Games decidiu contornar as regras numa medida contra a Apple e Google, algo que não demorou a ter resposta.

Após a Epic ter activado uma forma de comprar V-Bucks directamente em Fortnite, contornando o sistema que garante 30% dos lucros à Apple e Google, a dona do iPhone decidiu remover o popular battle royale da sua loja digital e confirmou ao TheVerge que pretende conversar com a Epic Games para resolver o que chamada de "violações" às suas políticas, mas sem qualquer intenção de contornar as regras.

A Apple diz que a "Epic Games tomou a infeliz medida de violar as normas da App Store que são aplicadas de igual forma a todos os criadores e desenhadas para manter a loja segura para todos os utilizadores." Fortnite foi assim removido da App Store pois foi activada uma função sem a aprovação da Apple e sabiam muito bem o que faziam.

A Apple relembra ainda que há dez anos que a Epic Games apresenta jogos e aplicações na loja digital iOS e beneficiou do ecossistema da Apple Store ao longo dos anos, mas agora devido a interesses empresariais deseja contornar as regras e é algo que não vai tolerar.

O resultado disto foi a remoção de Fortnite da App Store e se o tens instalado no teu dispositivo, podes continuar a jogá-lo, até podes continuar a usar o novo método de pagamento in-app que apresenta preços mais baratos, mas isto coloca em causa o futuro deste battle royale para iOS. As futuras actualizações poderão exigir o regresso de Fortnite à App Store e isto cria um impasse entre as duas gigantes.

Há muito que a Epic Games critica a fatia que a Apple e outras donas de lojas digitais recebem. Além disso, este gesto da Epic em clara rebeldia contra a Apple parece ter sido feito com o claro propósito de suscitar uma reacção na companhia e deu resultado.

Essa sensação fica ainda mais forte quando vemos que a Epic Games já iniciou uma acção legal contra a Apple e se junta assim a diversas outras companhias da tecnologia que pretendem uma mudança nas políticas da Apple. A Epic defende que o seu método permite aos consumidores obter melhores preços e que a Apple quer monopolizar o negócio sem qualquer benefício directo para os consumidores.

A Epic iniciou ainda uma campanha contra a Apple, chamada #FREEFORTNITE, através da qual afirma que se revoltou contra as políticas da Apple e que a retaliação sofrida foi remover o popular battle royale da loja digital iOS. "Vamos impedir que 2020 se torne em 1984", diz a Epic Games numa mensagem na qual relata aos consumidores que está a lutar contra as restrições anti-competitivas da Apple.

A Epic assegura que o seu método de venda directa resulta em preços mais competitivos e mais baratos para ti, pois ao deixar de fornecer à Apple os seus 30%, é o consumidor que fica directamente beneficiado.

Ficaremos a aguardar desenvolvimentos.

Actualização

Depois da Apple, foi a vez da Google remover Fortnite da sua loja digital para dispositivos Android, citando as mesmas razões fornecidas pela Apple.

A Google alega que a recente medida da Epic Games, tomada sem qualquer notificação prévia e que quebra as suas regras, não podia passar impune e espera conversar com a Epic para voltar a colocar Fortnite na Google Play Store.

Segundo revelado pela companhia ao TheVerge, a Google não impedirá a Epic de distribuir o jogo de outras formas, mas se o quiser ver na Google Play Store, terá de seguir as mesmas regras que todas as outras seguem. Actualmente, é possível instalar Fortnite para Android através do site oficial da Epic.

Salta para os comentários (47)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Metro Exodus - Quais as melhores armas do jogo?

Explicamos-te ainda como personalizar e limpar as tuas armas.

Metro Exodus - Todas as localizações dos Postais

Descobre a localização dos 21 postais em Metro Exodus.

Metro Exodus - Onde procurar todos os Diários

Onde encontrar as 71 páginas de Diário em Metro Exodus.

Comentários (47)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários