A Bungie está à procura de um designer de progressão para Destiny 2, cujo propósito será criar novas formas de monetização.

De acordo com a descrição da oferta de emprego, o designer de progressão terá que "trabalhar com os líderes de Destiny 2 para ajudar a definir uma experiência de monetização coesa para várias expansões e temporadas".

O designer também terá que "desenhar e implementar novas funcionalidades e sistemas com vista no envolvimento dos jogadores, retenção e monetização", bem como "criar uma progressão de jogador sustentável e perseguir os Bright Engrams de Destiny 2".

Destiny_2_money

Para quem não sabe, os Bright Engrams são o equivalente às loot boxes. De momento, os Bright Engrams apenas incluem itens estéticos como skins, emotes, sparrows e naves.

Esta oferta de emprego mostra que as microtransacções de Destiny 2 vieram para ficar e que cada vez mais, a julgar pela descrição da oferta de emprego, estarão agarradas à progressão no jogo.

Destiny 2 está a passar por um mau momento. Esta oferta de emprego, mais propriamente aquilo que implica, não vai cair bem entre os fãs.

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Mais artigos pelo Jorge Loureiro

Comentários (12)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados

Últimas

Devil May Cry 5 recebe imagens Gamescom

Dante e Nero espalham estilo.

Razer revela comando sem fios Raiju para a PS4

Auscultadores Tresher também terão versão sem fio.

Revelados novos bundles Xbox One X e Xbox One S

Shadow of the Tomb Raider, Fallout 4 e Battlefield 5.

Publicidade