Pokémon GO: Conta Twitter do CEO da Niantic hackeada

"Isto é pelo Brasil", diz grupo de hackers.

A conta Twitter de John Hanke, o CEO do estúdio responsável por Pokémon GO, foi invadida por um grupo de hackers.

O grupo de hackers, conhecido por OurMine, entrou na conta do CEO e publicou a seguinte mensagem: "Este hack é pelo Brasil", acrescentando várias hashtags sobre Pokémon GO no Brasil.

Embora Pokémon GO já esteja disponível na maioria dos grande países, no Brasil os fãs de Pokémon continuam à espera. Esta espera prolongada parece ter sido a razão para este grupo de hackers invadir a conta de John Hanke, o CEO da Niantic.

O grupo OurMine também conseguiu invadir no início deste mês a conta Twitter do próprio CEO do Twitter.

a

Publicidade

Salta para os comentários (14)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Esta publicidade da PS4 Pro é de chorar

Já alguma vez um videojogo te fez chorar?

Nintendo Switch acima dos 10 milhões de unidades vendidas no Japão

Posicionada para chegar aos 50 milhões em 2019.

Gio Corsi deixa a PlayStation

Era o gestor dos jogos Second Party.

Também no site...

Pokémon Go - Tarefas e Recompensas da Pesquisa de Campo de Agosto

Todas as missões listadas, juntamente com a recompensa.

Pokémon Go - Raids de Cresselia, Kyogre e Groudon

Datas, Horários, Versões Shiny, Counters e mais sobre estas Raid Battles.

Comentários (14)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários