Sony não quer que PlayStation VR seja uma mera moda

Terá que reforçar os valores PlayStation.

Atsushi Morita, Presidente da Sony Computer Entertainment Japan e Asia, conversou com a revista Famitsu sobre o PlayStation VR e como a companhia o espera promover entre os fãs da marca.

Para Morita, o mais importante é que o jogador sinta que está dentro do jogo e para isso a Sony terá que promover o capacete de forma a revelar todo o seu potencial. Isto para que que não comece com estrondo e depois desapareça rapidamente.

Outro factor importante é a união entre o PS VR e a PlayStation 4, uma experiência sem precedentes que Morita deseja ser capaz de gerar interesse na marca PlayStation para se tornar em mais uma razão para comprar a consola. É por isso que a Sony está a fazer tudo o que pode para que os interessados possam experimentar o PS VR antes do lançamento.

Outro elemento muito importante é o apoio aos programadores de jogos. Dependerá da imaginação deles o interesse que cada mundo em realidade virtual terá, por isso será necessário planear cuidadosamente o tipo de experiências que serão vendidas e de que formas podem ir além dos tradicionais videojogos.

Morita reforçou novamente a ideia que não quer que o PlayStation VR seja uma moda, que pouco tempo depois do lançamento termina. Quer que seja uma experiência de entretenimento estabelecida e que seja uma forte adição aos valores PlayStation.

Morita não falou sobre preços ou possível data de lançamento.

Salta para os comentários (23)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (23)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários