Executivo da PlayStation Network despedido por suspeitas de pedofilia

Sony confirmou que George Cacioppo já não trabalha para a companhia.

A Sony confirmou que George Cacioppo, vice presidente sénior da PlayStation Network, foi despedido depois das alegações de práticas pedófilas. Obrigado VGC.

George Cacioppo ocupava o cargo desde 2013, e foi apanhado pelo grupo People vs. Preds, que simulam encontros para apanhar potenciais predadores sexuais.

No vídeo que divulgaram, o grupo mostra a parte final do encontro, onde se vê George Cacioppo à porta de sua casa com uma camisola da PlayStation 5 à espera de alguém. Estes afirmam que estava a aguardar por um rapaz de 15 anos para ter relações sexuais, tinha marcado o encontro através da aplicação social Grindr.

A Sony já confirmou ao Cnet que Cacioppo já foi despedido.

"Estamos cientes da situação e o funcionário em questão foi despedido do seu emprego".

Um representante do grupo People v. Preds disse ao Kotaku que divulgaram publicamente o vídeo porque a polícia não trabalha com organizações como a deles.

"O departamento de polícia não trabalha com ciber-grupos como nós. É aí que a Internet assume o controlo".

Salta para os comentários (22)

Sobre o Autor

Adolfo Soares

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Conteúdos relacionados

Divisão gaming da Microsoft bate recordes de receita em 2021

Um aumento de quase 18% sobre o ano anterior.

Capcom regista lucros recordistas pelo nono ano consecutivo

Catálogo e recentes lançamentos ajudam a companhia a crescer.

Star Wars Jedi Fallen Order 2 anunciado oficialmente

Respawn prepara ainda um FPS Star Wars e um jogo de estratégia

Também no site...

Comentários (22)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários