Série Yakuza comemora 15 anos no ocidente

Mark Hamill numa localização repleta de insultos.

Atualmente, a série Yakuza da SEGA desfruta de maior popularidade mundial e até figurou como cabeça de cartaz no lançamento da Xbox Series, mas tudo começou há 15 anos atrás com um jogo surreal e nada mainstream.

Apesar de ter sido promovido fortemente como uma espécie de GTA no Japão, para se tornar mais atrativo, o primeiro jogo da série Ryu Ga Gotoku (Como Um Dragão) é um jogo de ação e aventura com um fortíssimo foco numa história dramática e enraizada nas cultura japonesa, onde o principal personagem usa os punhos e pés para fazer valer o seu sentido de justiça num mundo de crime.

Foi a 8 de setembro de 2006 que o primeiro Yakuza chegou aos Estados Unidos, 10 meses depois do lançamento japonês e uma semana antes do lançamento na Europa. Assim sendo, neste dia comemora-se o início da localização das aventuras de Kazuma kiryu, o que nos leva para uma era de obscuridade e clássicos de culto, muito distante da atualidade em que a Ryu Go Gotoku Studio lançada Lost Judgment em simultâneo em todo o mundo.

Yakuza é sem dúvida um jogo muito próprio e intrigante para os apaixonados pela cultura japonesa e especialmente para os "órfãos" de Shenmue, que erradamente olharam para este jogo como um sucessor espiritual ou como um GTA no Japão.

Uma das maiores curiosidades em torno dos esforços da SEGA em lançar Yakuza no ocidente foi a contratação de Mark Hamill para dar voz a Majima, o excêntrico mafioso com um sentido de justiça muito próprio e uma das mais acarinhadas figuras da série. O tom bizarro da adaptação, repleta de insultos por tudo e por nada, excêntrico e exagerado, poderá escapar um pouco ao tom original, mas certamente ajudou a deixá-lo na memória dos seus jogadores.

Salta para os comentários (4)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (4)

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários