Animador de The Last of Us diz que estúdios da Microsoft não estão ao nível da Sony

"Apenas vão chegar lá com apoio, contratação a longo prazo e ajuda financeira".

No decorrer de 2018 Microsoft comprou diversos estúdios para aumentar o seu leque de propriedades intelectuais e para apostar no desenvolvimento de mais exclusivos Xbox de qualidade.

Os estúdios que a Microsoft comprou foram a Ninja Theory, a Compulsion Games, a Playground Games, a Undead Labs, a Obsidian Entertainment e a Inxile. Além disto, também criou o The Initiative, um novo estúdio localizado em Santa Monica, California.

Apesar da aquisição da Microsoft de todos estes estúdios, Jonathan Cooper, que foi animador em múltiplos títulos como The Last of Us, Uncharted, Mass Effect e Assassin's Creed, não está convencido que estão ao mesmo nível dos estúdios first-party da Sony.

Jonathan Cooper, que também é o autor do livro Game Anim: Video Game Animation Explained, disse numa discussão no Twitter que "nenhum dos estúdios comprados estão ao mesmo nível do que os first-party da Sony, apenas vão chegar lá com apoio, contratação a longo prazo e ajuda financeira".

"No entanto, prefiro esta opção em vez de criar estúdios inteiramente novos que não têm qualquer cultura partilhada," acrescentou Cooper.

Com a excepção do The Initiative, que é um estúdio criado de raiz, todos os estúdios adquiridos pela Microsoft têm vários anos de experiência, como é caso da Ninja Theory, Playground Games, Undead Labs Obsidian e Inxile.

Ainda assim, concordas com as palavras de Jonathan Cooper?

Salta para os comentários (216)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (216)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários