Riot Games compensa funcionárias com $10 milhões por sexismo e discriminação

O processo legal está prestes a chegar ao fim.

Os últimos meses não têm sido fáceis para a Riot Games. O estúdio californiano conhecido por ter criado League of Legends, actualmente o jogo mais jogado do mundo, viu a sua reputação afectada depois de uma exposição do Kotaku que tinha vários relatos de funcionários a descrever uma cultura sexisma e de descriminação contra as mulheres.

A Riot Games também foi alvo de uma investigação do estado da Califórnia por discriminação. A investigação foi tornada pública em Junho de 2019, apesar de estar a decorrer já desde Outubro de 2018. Os investigadores acusaram o estúdio de não cooperar para determinar se as alegações de pagamentos desiguais, assédio sexual, agressão sexual, retaliação e discriminação de género em selecção e promoção tinham fundamento.

Meses depois disso acontecer, a Riot Games parece ter finalmente resolvido o caso. O Kotaku obteve uma cópia do acordo entre as duas partes (a Riot Games e as mulheres que processaram a companhia por discriminação e desigualdade de género), relatando que a Riot Games criou um fundo de $10 milhões para compensar as suas funcionárias.

O fundo foi criado de propósito para resolver a diferença que havia nos salários entre os homens e as mulheres que trabalham na Riot Games. Cada participante do processo será compensada com base na seu estatuto, tempo na companhia e cargo.

De acordo com o Kotaku, a Riot Games já implementou várias medidas para diminuir os problemas de sexismo e desigualdade dentro da companhia, renovando os seus métodos de recrutamento e de promoção. Os funcionários problemáticos foram removidos e foi criado um sector de diversidade. Houve também mulheres que foram promovidas para cargos de chefia.

Riot_Games_desigualdade_genero

Salta para os comentários (5)

Jogos em destaque neste artigo

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Pokémon Unite chega amanhã aos dispositivos iOS e Android

2 meses depois da versão Nintendo Switch.

Pokémon Unite mobile ganha data

Setembro fica mais específico.

PSG aposta em Arena of Valor

Começará por equipa eSports na Tailândia.

Também no site...

O que estamos a jogar - 26 Setembro

E tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

As melhorias feitas para Alan Wake Remastered

Remedy mostra vídeo a comparar com o original.

Recomendado | Lost Judgment review - noir contemporâneo fascinante

Uma das melhores experiências narrativas do ano.

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários