As microtransacções tornaram-se num tema controverso e sensível nos videojogos depois de uma monetização bastante agressiva por parte da Electronic Arts em Star Wars: Battlefront 2 (associada às loot boxes), mas The Division 2 não se vai livrar delas.

Tal como no primeiro jogo, The Division 2 terá microtransacções em que poderás gastar dinheiro real em itens cosméticos. Chadi El-Zibaoui, director criativo associado, confirmou ao GamingBolt que as microtransacções serão apenas para itens visuais que não dão qualquer vantagem aos jogadores.

Chadi El-Zibaoui não quis confirmar se o jogo terá ou não loot boxes, que muitas vezes estão associadas às microtransações. O problema das loot boxes é que, diferente das microtransacções, o jogador não consegue comprar um item específico, estando dependente da sorte.

"Por agora, vamos manter a mesma estratégia do jogo anterior: é tudo vaidade. Queremos que The Division 2 seja uma experiência justa para todos. Em relação às loot boxes, não posso comentar sobre elas neste momento."

Com alguns países a declararem que as loot boxes são o equivalente a apostas, as editoras correm cada vez mais riscos ao implementá-las nos videojogos. Mesmo que não haja consequências legais, as loot boxes trazem uma imagem negativa.

Publicidade

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Mais artigos pelo Jorge Loureiro

Comentários (28)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados

The Division 2 poderá ser jogado inteiramente a solo

Segundo o realizador, podes jogar sozinho do início ao fim.

Novo vídeo disponibilizado para The Division 2

Raids chegam pela primeira vez à saga.