Trump vai encontrar-se com membros da indústria dos videojogos

A discussão será sobre os videojogos violentos.

Depois de insinuar que existe uma ligação entre os videojogos violentos e os tiroteios nas escolas dos Estados Unidos, a Casa Branca disse num comunicado que o presidente Donald Trump vai encontrar-se com membros da indústria dos videojogos na próxima semana.

Sarah Huckabee Sanders, secretária de imprensa da Casa Branca, disse que o presidente vai "encontrar-se com membros da indústria dos videojogos para perceberem o que podem fazer relativamente a essa questão". A resposta veio a propósito da violência associada às armas.

A Casa Branca não disse concretamente com quem o presidente Donald Trump se vai encontrar, mas a Entertainment Software Association, os organizadores da E3 e que representam várias empresas da indústria, esclareceu ao Kotaku que não receberam qualquer convite.

"A ESA e as nossas companhias não receberam um convite para se encontrarem com o presidente Trump," foi dito.

A associação achou importante esclarecer que "os mesmos videojogos que são jogados nos Estados Unidos são jogados no resto do mundo; contudo, o nível de violência de armas é exponencialmente maior do que nos outros países."

"Várias autoridades examinaram os registos científicos e concluíram que não existe ligação entre conteúdos media e violência na vida-real".

Salta para os comentários (40)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (40)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários