Assassin's Creed: Syndicate é o jogo mais vendido no Reino Unido

No entanto, é a pior estreia entre a linha principal da série.

Assassin's Creed: Syndicate é o jogo mais vendido no Reino Unido mas ainda assim foi o jogo que menos vendeu na sua estreia entre os títulos principais da série Assassin's Creed.

Segundo dados da Chart-Track, que apenas contabiliza cópias físicas, as vendas de Syndicate no lançamento não conseguiram ultrapassar as vendas dos jogos anteriores na série da Ubisoft.

Assassin's Creed: Rogue da PlayStation 3 e Xbox 360 foi o único jogo na série que conseguiu bater, mas tendo em conta a diferença nas plataformas, a comparação pode não ser correcta mas fica como nota de curiosidade. De igual forma, convém relembrar que Syndicate foi lançado a uma Sexta-feira, significando apenas três dias de vendas.

Os problemas com Unity em 2014 certamente deixaram os fãs mais cuidadosos e reticentes no que diz respeito a comprar o jogo no lançamento, a reservar ou até a confiar na editora e nos seus estúdios.

Guitar Hero Live entrou directamente para número 3, conseguiu um aumento de 24.3% sobre as vendas de Warriors or Rock, o anterior jogo da série que foi lançado em 2010. The Legend of Zelda: Tri Force Heroes ficou fora dos 10 mais vendidos por um triz, ficou em 11º.

  1. Assassin's Creed: Syndicate
  2. FIFA 16
  3. Guitar Hero Live
  4. Uncharted: The Nathan Drake Collection
  5. Grand Theft Auto 5
  6. Lego Dimensions
  7. Destiny The Taken King
  8. Forza 6
  9. Lego Jurassic World
  10. Metal Gear Solid 5: The Phantom Pain

Publicidade

Salta para os comentários (18)

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (18)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários