Jogos digitais são a grande aposta da Sony para a PS Vita

Sony UK diz que a portátil está aqui para ficar.

A troca de estratégia da Sony em relação à PS Vita já se faz sentir há meses.

Concebida para oferecer a experiência das consolas caseiras em qualquer lugar, a Sony progressivamente foi desistindo de jogos que encaixavam nessa filosofia (por exemplo, Uncharted: Golden Abyss, Resistance: Burning Skies e Killzone Mercenaries) para apostar e dar mais destaque a títulos em formato digital, especialmente de produção independente, agradáveis de jogar na portátil.

Fergal Gara, presidente da Sony no Reino Unido, prefere falar na quantidade de "jogos que podemos trazer para esta plataforma que foram criados para outras plataformas" em vez de exclusivos ou grandes produções.

Ao que parece, uma das grandes apostas da Sony para o futuro será a PS Vita Edition de Minecraft, um jogo que Gara diz ser um exemplo clássico de um jogo que nasceu noutra plataforma e encaixa bem na portátil.

"Minecraft é um exemplo clássico. Também temos o LEGO Batman 3 a caminho da Vita assim como PS4 e PS3. A multitude de títulos digitais que estão a provar ser atrativos para a consola, e o facto de que é um dispositivo substancialmente digital - uma grande parte das vendas vêm diretamente da loja digital - a multitude de títulos no setor independente no qual trabalhamos muito tem sido popular, tanto em termos da acessibilidade do preço como na sua natureza peculiar, o que parece ir de encontro a muitos dos consumidores que estão a comprar a Vita," disse Gara ao Eurogamer inglês.

A mudança de estratégia por parte da Sony é apenas isso, uma mudança de estratégia. Gara quis acabar com a percepção de que a PS Vita está lentamente a morrer ou desaparecer, garantindo que não será ignorada na Natal que se avizinha.

"Existe a percepção de que está a desparecer. Posso absolutamente assegurar-te que isso não está a acontecer. Tem provado ser incrivelmente resiliente. Estamos a entrar nesta época muito otimistas em relação a alcançar números semelhantes ou maiores do que no ano passado. Por isso sentimos que estamos em boa forma", concluiu.

Salta para os comentários (12)

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Conteúdos relacionados

Também no site...

Comentários (12)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários