Julian Gerighty, diretor criativo em The Crew, confirmou em entrevista ao Digital Trends que o seu jogo está em desenvolvimento há quatro anos.

"O jogo começou há quatro anos. O jogo não mudou, apenas demorou assim tanto para ficar a funcionar e a funcionar tão bem quanto queríamos."

"Todos os conceitos que temos aqui são conceitos nos quais a equipa tem trabalho durante os últimos quatro anos. O massivo mundo aberto partilhado com centenas de outros jogadores? É algo que a equipa fez para Test Drive Unlimited, que estava à frente do seu tempo."

The Crew começou a sua vida na PlayStation 3 e Xbox 360 mas quando o estúdio percebeu que o projeto tinha ultrapassado as capacidades destas consolas, decidiram então saltar uma geração.

"Aconteceu há cerca de um ano e meio atrás, quando compreendemos que podíamos levar isto um pouco mais além, melhorar a personalização do mundo, a natureza não procedimental do mundo, um pouco mais se o fizermos na Xbox One e PS4."

Gerighty explica que a Miami no seu jogo é radicalmente diferente da sua Nova Iorque, o que é normal mas precisa de muito tempo e com o nível de qualidade aqui presente, apenas o poderia nesta próxima geração.

Publicidade

Sobre o Autor

Bruno Galvão

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Mais artigos pelo Bruno Galvão

Comentários (8)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!

Ignora piores comentários
Ordenar
Comentários

Conteúdos relacionados

The Crew: Wild Run - Análise

Uma expansão que tenta reanimar o jogo de corridas da Ubisoft.

The Crew celebra a chegada da nova expansão

Calling All Units já se encontra disponível.

Publicidade