A Wargaming, a produtora dos jogos online World of Tanks e World of Warplanes, está a financiar uma expedição a Myanmar no sul da Ásia para recuperar aviões perdidos da Segunda Guerra Mundial.

"Desde o início que a Wargaming está dedicada a manter a história militar viva, seja através dos seus jogos ou mais recentemente através da conversação histórica ou iniciativas educativas em museus," disse Victor Kislyi, CEO da Wargaming.

David Cundall, um conhecido entusiasta da aviação, é quem vai liderar a expedição. Os aviões, que são 20 Spitfires, estão supostamente enterrados naquele território.

"Quando soubemos da procura que David tinha empreendido para localizar os Spitfire, quisemos apoiá-lo, não apenas para recuperar os aviões, como também para ajudar a contar a história da guerra aérea que teve lugar em Myanmar - algo que é de grande interesse para a nossa comunidade," concluiu Victor Kislyi.

Publicidade

Sobre o Autor

Jorge Loureiro

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Mais artigos pelo Jorge Loureiro