Skip to main content

Nova Iorque gasta mais de $59.000 em videojogos para os presos

Se te portares bem, jogas PlayStation ou Xbox.

Crédito da imagem: Eurogamer

O Departamento de Correção da cidade de Nova Iorque gastou $59.260 em dinheiro dos contribuintes para comprar videojogos PS4 e PS5 para manter os reclusos sob controlo, como noticiado pelo New York Post.

Os registos da cidade revelam que a soma substancial foi atribuída à Divisão de Programas para Adultos da agência, resultando na compra de 1.247 jogos, incluindo títulos populares como Mortal Kombat 1, Street Fighter 6, Madden NFL e NBA 2K24. A porta-voz da agência, Latima Johnson, explicou que os jogos são utilizados como incentivo para promover o comportamento disciplinado dos reclusos.

No entanto, alguns especialistas questionaram a decisão de gastar dinheiro público em entretenimento para criminosos, especialmente quando as necessidades essenciais do sistema prisional não são atendidas. Benny Boscio, presidente da Associação Beneficente dos Agentes Prisionais, criticou a alocação de recursos, argumentando que deveriam ser priorizados investimentos em condições básicas, como sistemas de ar condicionado adequados para os presos e funcionários durante os períodos de calor intenso.

A estratégia de utilizar videojogos para influenciar o comportamento dos reclusos não é nova. Em 2018, a então comissária Cynthia Brann admitiu que o acesso a consolas era utilizado como incentivo para travar o comportamento violento dos delinquentes.

Lê também