Tomb Raider Underworld: Beneath the Ashes

Explorar mas não muito.

Versão testada: Xbox 360

Quando primeiramente anunciaram que a experiência Tomb Raider Underworld seria prolongada graças a novos conteúdos adicionais certamente que os fãs regozijaram, pelo menos aqueles com a versão Xbox 360. A possibilidade de acrescentar mais a um jogo tem sempre potencial e por várias vezes foi provado que os fãs estão receptivos a este tipo de medidas mas no entanto, não se rendem a qualquer coisa. Com o início da crise na Eidos e com os primeiros despedimentos, vários membros da equipa que trabalharam no jogo deixaram escapar alguns segredos do desenvolvimento, incluindo que os níveis adicionais faziam parte do jogo e foram retirados apenas para serem usados desta forma. Este tipo de medidas não tem por hábito "cair" bem nos jogadores que sentem estar a pagar mais por algo que já pagaram e a própria natureza dos conteúdos é restritiva.

Entretanto foi explicado que mesmo que não houvessem conteúdos adicionais os níveis teriam sido cortados na mesma do jogo original e os fãs ficariam de qualquer forma sem lhes ter acesso. Uma forma de ver que vai mais de encontro ao que é uma das grandes vantagens desta nova geração, os serviços de distribuição digital de conteúdos. Dar acesso a conteúdos que poderiam nunca ser lançados. A forma como se encaram os conteúdos adicionais depende sempre do nosso gosto pelo jogo e da nossa capacidade em perdoar possíveis e descaradas intenções de obter mais lucro mesmo as sem escrúpulos. Nem todos os jogos se encaixam nesta forma de pensar mas quando anunciam novos níveis adicionais, é quase impossível não não ficar de pé atrás. Por um determinado valor os fãs ganham acesso a novas áreas, mais tempo com o seu jogo e se bem feito, a grande diversão sem quaisquer sentimentos de arrependimento.

Com conteúdos adicionais para Tomb Raider as possibilidades eram mais do que muitas mas ao invés de nos enviar numa nova aventura ou então para um novo local, a Eidos decidiu que iríamos regressar a um dos pontos principais de Underworld e de toda a série, a mansão de Lara. Talvez para compensar a falta de um nível ali decorrido, presente em todos os jogos da série à excepção do mais recente, a Eidos decidiu levar-nos de volta às ruínas por baixo da mansão. Lara volta a procurar por pistas deixadas pelo seu pai para obter algo que precisa para ajudar na luta contra as estranhas criaturas que começaram a surgir e também contra a misteriosa figura que se faz passar por ela.

1

Para além da aranhas e dos morcegos, estes são os outros inimigos a quem podem aplicar pontapés com o estilo Croft.

Mesmo tentando incutir no jogador a sensação de que está a cumprir algo extra, um novo objectivo, este nível não consegue deixar de transmitir uma sensação de como estivéssemos a jogar algo que deveria fazer parte do original e não um nível propriamente novo. O local onde decorre ajuda a que tal sensação mais facilmente se instale e ter que lidar com objectivos relacionados com a perigosa figura que se faz passar por Lara fortalece mais essa sensação. Temos breves falas entre Lara e os seus colegas que ajudam a relembrar que temos um objectivo a alcançar mas são tão breves e sem importância que quase pensamos que estamos no que até poderia ser descrito como um sombrio percurso de obstáculos do que numa exploração para descobrir mais uma segredo e mais uma peça para todo este puzzle que se abateu na vida da exploradora.

Mantendo-se fiel à exploração sobre a acção, Beneath the Ashes é um nível repleto de bons momentos Tomb Raider. O nível tem cerca de três puzzles principais que vão ter que resolver ao bom estilo da série que ainda nos deixam a pensar como os resolver. A dificuldade não é elevada e os confrontos com os poucos inimigos (morcegos, aranhas e os estranhos esqueletos) não são frequentes e passamos a maior parte do tempo a escalar, saltar e a tentar descobrir como progredir. Caso inserido no jogo em si, seria um bom e agradável nível ao lado dos restantes mas por si só e com um custo extra, este novo nível não oferece grandes argumentos para se justificar.

Beneath the Ashes não oferece nada de particularmente novo à experiência, não inclui armas novas, não inclui gadgets novos para a exploradora, nem mesmo os desafios e inimigos são novos. Escalar enormes paredes para chegar a determinado ponto e desbloquear caminho para outra enorme parede a escalar ou escalar por enormes cilindros nos quais o timing é essencial para evitar as lâminas não são desafios novos para os fãs. Mesmo colocados num local diferente e com diferentes ângulos de abordagem não conseguem por si só serem novos. A própria jogabilidade mantém-se igual, sem quaisquer melhorias, o que significa o regresso dos ocasionais irritantes ângulos de câmara e até a presença de estranhos bugs. No entanto, como já referido, tem o mérito de deixar o jogador a pensar e a satisfação após os ultrapassar fazem com que o espírito da série esteja presente e o ajude a tornar-se apelativo aos fãs que não conseguem recusar nada que diga respeito a Lara Croft.

2

Uma nova área para explorar e novos desafios. Os mais puristas não vão resistir mesmo que pouco de novo seja oferecido.

Um dos maiores problemas de Beneath the Ashes está relacionado com a sua curta duração, algo intimamente relacionado com o facto de ser apenas um único nível. Não contando com as mortes por causa dos ângulos de câmara ou por causa dos bugs, podem terminar este nível extra em pouco mais de uma hora, e sem grandes pressas. Eventualmente podem sentir vontade de o repetir mas maior vontade vão ter por mais, mais níveis e mais tempo de jogo. Também é inegável que pelo preço pedido, o mesmo de um título Live Arcade normal, tem muitas outras opções que vos dão maior recompensa pelo dinheiro empregue e por outro lado reforçam a exigência sobre estes conteúdos.

Tomb Raider Underworld: Beneath the Ashes é um novo nível que apenas pode ser recomendado aos fãs mais acérrimos e mais dedicados desta exploradora. Mesmo que se colocasse de lado a sua curta duração, o certo é que não trás nada de novo à experiência, desafios que o jogador já conhece com uma forma de abordagem familiar, e assim que terminado não deixa grandes motivos para voltar a jogar. Prepara o jogador para a chegada de Lara's Shadow que esperamos que seja superior e mais interessante.

5 / 10

Lê o nosso Sistema de Pontuação Tomb Raider Underworld: Beneath the Ashes Bruno Galvão Explorar mas não muito. 2009-03-10T12:49:00+00:00 5 10

Comentários (14)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!