Renegade Ops

Renegados ao poder.

Quando as coisas não correm bem e a solução democrática não é possível, com quem é que vão contar? Com os Renegade Ops, como é claro. O jogo da Avalanche Studios apresenta-se como uma aventura descontraída, repleta de ação e com um enredo que, sem nunca se levar a si mesmo demasiado a sério, consegue facilmente captar o interesse do jogador ao longo de uma aventura que poderá rondar as 4 horas. Uma jogabilidade divertida, soldados com diversas especialidades, um sistema de evolução decente e opções multijogador fazem de Renegade Ops aquele jogo que vão querer para o fim de semana.

Inferno, o grande vilão deste enredo, ameaça destruir cidade após cidade, espalhando o caos pelo mundo, enquanto uma proposta de negociação para as tréguas parece ser a melhor solução por parte dos grandes lideres políticos. O general Bryant difere - ele tem uma arma secreta para combater Inferno. A equipa de renegados, tal como são chamados ao longo de todo o jogo, é composta por 4 soldados do underground que, face à chamada de Bryant, são propostos a resolver um problema que parece não ter fim.

Mais sobre Renegade Ops

Sozinhos, ou com amigos (online com até 4 jogadores ou na mesma consola com um companheiro), estão prestes a embarcar numa aventura na qual deverão escolher um soldado de entre 4 disponíveis, cada qual com a sua especialidade. Armand dá ao jogador a possibilidade de utilizar uma carapaça para proteção extra, Diz é perita no uso de EMP's, Roxy tem nos ataques aéreos a sua maior especialidade e, por fim, Gunnar (do verbo Gun) tem uma Heavy Gun (surpresa?) para levar tudo à frente. Cada um poderá ser evoluído individualmente, e poderão sempre mudar de personagem a cada missão, de forma a desbloquear novas especialidades ou melhoramentos para cada habilidade.

A aventura começa naquele que é o primeiro ataque dos renegados a Inferno - a chegada da equipa ao terreno, por assim dizer. Pela primeira vez Inferno descobre que tem oposição na sua luta a favor da destruição. O jogo não se poupa em mostrar sequências de vídeo através de um estilo claramente inspirado nos Comics, que dá à aventura uma identidade muito própria. As personagens são de igual modo interessantes e bem recriadas, até porque os estereótipos de vilão (Inferno) e herói (Bryant) são muito bem aplicados. Seja no intervalo entre missões, ou mesmo no meio das mesmas, surgirão as ditas animações, dando dados úteis para o seguimento da aventura.

Na prática o jogo é o típico shooter no qual se movimentam pelo cenário, dizimando inimigos e procurando upgrades. O interessante aqui é que os diversos cenários funcionam na forma de mundo aberto. O jogador é colocado numa área relativamente extensa, ao longo da qual vai realizando missões principais na busca pelo objetivo final. Pelo meio poderão ainda surgir missões secundárias. Ao derrotar inimigos poderão obter armas secundárias que variam entre um lança-chamas, um canhão elétrico e um lança-rockets, ou ainda melhorar a arma principal, que é comum a todas as personagens.

Conforme a aventura se aproxima do final, inimigos mais complicados vão surgindo pelo caminho. Ao derrotarem-nos ganharão sempre pontos de experiência que servem para aumentar o nível da personagem que escolheram. Só assim poderão evoluir as diversas características de cada personagem. Existem melhoramentos correspondentes à sobrevivência, à arma secundária e à especialidade de cada personagem. Normalmente o jogo funciona dentro do carro de combate que vos é entregue desde o inicio, mas poderão ainda pilotar um helicóptero a determinadas alturas. A aventura segue um caminho consistente, sem criar grandes surpresas, é verdade, mas também sem se tornar aborrecida. Só numa fase final existem algumas alterações à jogabilidade base que, funcionando bem, deixam na mente uma interrogação baseada na possibilidade de ter sido dado maior uso a essas mecânicas.

Renegade Ops - Trailer Lançamento

Existe normalmente a intenção de imprimir um ritmo acelerado ao jogo, uma vez que sempre que demorarem demasiado tempo a executar uma tarefa, um contador decrescente aparecerá como forma de apressar a ação. Caso falhem em atingir o objetivo proposto no tempo dado, perderão a missão. Seja como for, desde que procurem jogar a alto ritmo, o contador não aparecerá.

Tudo isso faz com que seja um jogo facilmente apreciado desde o seu verdadeiro inicio. Até mesmo graficamente é uma bela surpresa, apresentando cenários enormes e cheios de detalhe. Qualquer tipo de efeitos gráficos são igualmente bem recriados e, em conjunto com o estilo gráfico das sequências de vídeo, resultam numa obra graficamente intocável.

Renegade Ops é muito provavelmente aquele jogo que vão querer ter na coleção, seja para desfrutar de uma aventura interessante e descontraída ou para, a qualquer altura, entrar numas sessões cooperativas com amigos. O maior defeito que lhe pode ser apontado é a falta de incentivos para a repetição da campanha. Evoluir cada personagem ou procurar atingir pontuações altas serão os únicos objetivos a alcançar uma vez acabada. Uns modos de jogo extra teriam feito a diferença. De qualquer forma, e no que à demanda principal diz respeito, é um jogo de distribuição digital com a alma dos grandes. É divertido e tem carácter.

8 / 10

Lê o nosso Sistema de Pontuação Renegade Ops Ricardo Madeira Renegados ao poder. 2011-10-17T10:05:00+01:00 8 10

Comentários (5)

Os comentários estão agora fechados. Obrigado pela tua contribuição!