Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Youtuber Angry Joe corta relações com a Nintendo

Por causa das políticas anti-Youtube da companhia.

O Youtuber conhecido pela alcunha Angry Joe, que conta com quase 2 milhões de seguidores, fartou-se e jurou que no futuro não apostará novamente em vídeos de jogos da Nintendo.

Na causa do conflito está um vídeo dedicado a Mario Party 10, um novo jogo para a Wii U. Depois do vídeo ser publicado pelo Youtuber, não tardou até que a Nintendo reclamasse o vídeo como seu e ficasse assim com todas as receitas de publicidade geradas pelas visualizações.

Recentemente a Nintendo deu início a um programa de afiliação que permite aos Youtubers ficar com parte das receitas dos vídeos, contudo, o programa é bastante restritivo na lista de jogos e todos os vídeos terão que ser aprovados pela Nintendo.

Chateado com o sucedido, e fazendo justiça à sua alcunha, Angry Joe avisou nas redes sociais que de agora em diante não fará cobertura de mais jogos da Nintendo.

Angry Joe não é o primeiro Youtuber em conflito com a Nintendo. Depois da Nintendo ter anunciado o seu programa de afiliação, PewDiePie, o maior Youtuber do mundo, disse "Vai-te lixar Nintendo".

Sobre o Autor

Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários

More Notícias

Artigos mais recentes