Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Voz de Bayonetta admite que lhe ofereceram mais dinheiro do que inicialmente referiu

Mas ainda assim diz que não é tanto quanto alguns dizem.

Após a PlatinumGames e o próprio Hideki Kamiya partilharem mensagens a dizer que não vão mais falar do assunto, a voz original de Bayonetta, Helena Taylor, voltou a comentar o caso polémica ao qual deu origem.

Taylor, a voz original de Bayonetta nos dois primeiros jogos, não estará presente no terceiro e numa recente mensagem apelou ao boicote do jogo pois diz que a PlatinumGames e a Nintendo não lhe apresentaram uma proposta monetária digna.

Após informações descobertas por Jason Schreier do Bloomberg e a própria PlatinumGames comentar que a atriz não estava a ser verdadeira, a própria Taylor admite que lhe foi oferecido mais dinheiro do que inicialmente admitiu, mas ainda assim mantém o apelo ao boicote.

"Algumas pessoas estão-me a chamar mentirosa e caça dinheiro. Sinto que preciso defender-me e à minha reputação na indústria."

Taylor diz agora que lhe foi feita a proposta de 10 mil dólares por todos os diálogos e considerou muito baixa para a série que é e o dinheiro que ganham com ela. A atriz sugere que a PlatinumGames subiu a proposta para 15 mil dólares e isto parece ir ao encontro do que Schreier avançou.

No entanto, a atriz diz que após 11 meses sem resposta, a PlatinumGames apresentou uma proposta de 4 mil dólares para todo o jogo.

"Quaisquer outras mentiras, tais como 4 mil dólares por cinco sessões é tudo mentira. Não decorreram 'exaustivas negociações'. Também fui informada de ficções ridículas, que eu pedi 250 mil dólares. Sou uma jogadora de equipa. Apenas pedi um salário justo de acordo com o valor que trago para este jogo."

Segundo diz, recebeu um total "chocantemente baixo" de 3 mil dólares pelo primeiro jogo e um pouco mais pelo segundo.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários