Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Os muitos erros e promessas quebradas de Cyberpunk 2077

Vídeo de 41 minutos documenta tudo.

Cyberpunk 2077 já entrou para a história como uma das maiores desilusões dos videojogos. Apesar do hype fabricado pela CD Projekt RED e dos muitos adiamentos que prometiam uma experiência altamente polida, o jogo foi lançado em Dezembro de 2020 num estado que rapidamente foi considerado lastimoso (sobretudo na PS4 e Xbox One).

Enquanto a CD Projekt RED ainda tenta corrigir o jogo, enfrentando simultaneamente acusações de má gestão e de pressionar os seus trabalhadores a horas extras excessivas, o canal Crowbcat lançou um vídeo 41 minutos que mostra as muitas promessas quebradas do estúdio e o número alucinante de erros que foram encontrados no jogo pelos jogadores.

Apesar das versões para as consolas terem sido as mais afectadas por falta de qualidade, os erros documentados no vídeo afectam todas as versões. Vemos problemas no carregamento de texturas, erros no comportamento das personagens, objectos / personagens que atravessam texturas, carros que são espontaneamente catapultados para o ar, erros de lógica, entre outras coisas.

O vídeo também documenta as declarações da CD Projekt RED antes do lançamento, quando disse que a PS4 e Xbox One eram as plataformas alvo para optimização e que não era capaz de lançar um jogo antes de estar pronto. Como sabemos hoje, Cyberpunk 2077 foi lançado antes de estar devidamente optimizado e corrigido, arruinando a reputação do estúdio entre os jogadores.

Sobre o Autor
Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários