Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Stalker 2 adiado para 2023 e a GSC mostra o impacto cruel da guerra

Funcionários que fugiram do país e outros que estão no meio da destruição.

A GSC Game World partilhou uma atualização sobre o estado de Stalker 2 e além de confirmar o adiamento para 2023, algo que a Microsoft revelou no domingo, mostrou o cruel impacto da invasão da Rússia à Ucrânia sobre os seus funcionários, alguns deles a combater na linha da frente.

Num vídeo repleto de momentos duros, a companhia mostra a mudança que sofreram ao longo destes últimos meses. Muitos funcionários fugiram da Ucrânia, muitos que ainda vivem no país mostram a destruição à sua volta e as condições de vida, enquanto outros mandam mensagens da linha da frente dos combates.

Um dos funcionários partilha o dramático relato da sua procura pelos pais que estão desaparecidos e mostra assim um pouco do horror em que aquela nação está mergulhada.

A equipa continua empenhada em lançar o jogo em 2023, mas as condições em que se encontra a maioria dos funcionários significa que será uma incrível luta.

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários