Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Spider-Man: Miles Morales é um jogo na escala de O Legado Perdido

Decorre 1 ano após os eventos do primeiro.

A Sony e a Insomniac Games revelaram Spider-Man: Miles Morales para a PlayStation 5, mas como é habitual nestas apresentações, fica sempre muito por dizer e actualmente isso deixa espaço para todo o tipo de interpretações.

Assim que o evento terminou, surgiram questões sobre o que é na verdade este Spider-Man: Miles Morales e se seria uma expansão para o primeiro, remaster do primeiro com a expansão ou um jogo em separado?

A Insomniac Games viu-se forçada a esclarecer que é um jogo standalone e não uma expansão para o jogo que lançou em 2018 na PS4. No entanto, o estúdio não abordou as palavras da Sony quando o posicionou como um jogo de escala similar à de "O Legado Perdido", expansão de Uncharted 4 que cresceu ao ponto de se tornar num jogo standalone.

Agora, numa mensagem deixada no PlayStation Blog, a Insomniac confirma as palavras ditas pelos executivos da Sony e diz que podes encarar Miles Morales como um jogo com uma escala ao nível do jogo da Naughty Dog.

"Desde que terminámos o desenvolvimento de Spider-Man, a nossa equipa na Insomniac trabalhou imenso para apresentar uma fantástica aventura com Miles Morales. Vais descobrir uma história completa com Miles, algo ao estilo de um jogo como Uncharted: O Legado Perdido em termos de escala geral."

A Insomniac assegura que será uma jornada emocional, entusiasmante e importante para este universo, que poderás jogar no final de 2020 na PS5.

Sobre Miles Morales, a Insomniac diz que começa um ano após o final de Marvel's Spider-Man e mostrará Nova Iorque coberta de neve, com novos vilões e mais momentos espectaculares de aventura.

O enredo envolverá uma corporação energética na mira de um exército de criminosos que recorre a tecnologia de topo para executar os seus crimes.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários