Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Sony sempre quis uma PSP sem leitor UMD desde início

Isto segundo declarações do porta-voz da empresa.

A Sony teve sempre nos seus planos uma consola portátil focada nos downloads digitais, isto segundo declarações de Naoya Matsui, chefe da divisão de planificação de produto da Sony Computer Entertainment.

Matsui afirmou ao site japonês GameBusiness que tinham pensado num modelo de distribuição digital para a PSP desde o primeiro instante, mas que acabaram por decidir pela maturidade do mercado digital até lançarem um dispositivo desse tipo, que é a próxima PSP Go.

"Tínhamos planeado uma PSP sem leitor de UMD desde o início. Mas se a tivéssemos lançado na altura, não havia muita pessoas que pudessem desfrutar dela. Primeiro precisávamos de criar o cenário favorável; coisas como a transferência de conteúdos entre a PS3 e a PSN, e o software para PC para gerir conteúdos como músicas e filmes, tal como acontece com o Media Go."

"Queríamos lançá-la quando a distribuição de conteúdos digitais tivessem a par com a distribuição física. É nisso que temos estado a trabalhar nestes últimos dois anos."

Matsui fez também questão de sublinhar que o modelo tradicional da PSP vai continuar a vender-se quando a PSP Go chegar ao mercado.

Marcado com

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários