Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Sony e Microsoft enfrentam-se pelas médias de análises dos seus jogos

De acordo com os critérios da Sony a Dreamcast teria sido a melhor consola.

Desde há uns anos que os sites que contêm as análises de jogos, e que calculam uma pontuação fazendo a média, têm sido um recurso e uma referência nas discussões nos fóruns de videojogos sobre a qualidade de uma consola ou de um lançamento recente.

Na semana passada a Sony e a Microsoft mantiveram uma interessante guerra de comunicados de imprensa sobre o site Metacritic, um dos mais veteranos e prestigiados sites do género, que não inclui apenas videojogos mas também filmes, séries de televisão, livros e música.

A Sony foi a primeira a disparar, incluindo no seu comunicado de imprensa sobre os resultados de vendas da PlayStation 3, durante o mês de Março nos EUA, que, "aproximadamente um em cada três jogos PS3 consegue atingir no Metacritic um score de 80 ou mais alto," acrescentando que isso demonstra "a trajectória da PlayStation em oferecer entretenimento rico e relevante."

A Microsoft não se ficou, e respondeu que, "A Xbox 360 tem mais jogos de pontuação alta do que qualquer outra consola da sua geração, com mais de 139 títulos com uma pontuação de 80 ou mais no Metacritic." A companhia acrescentou que nenhuma outra consola da sua geração tem até agora mais de 100 jogos com essa pontuação.

A guerra de declarações sobre as pontuações médias do site, que calcula as médias fazendo uma selecção de vários sites de videojogos de todo o mundo, tem feito eco noutros meios, que começaram a fazer os mesmos cálculos que a Sony e a Microsoft.

O argumento da Sony, ainda que faça um arredondamento, é verdadeiro, onde cerca de 30% dos jogos da PS3 têm uma pontuação média acima dos 80%, num total de 96 títulos. A Xbox 360 tem mais títulos com mais do que essa pontuação (139), mas com menor percentagem de jogos que têm grande destaque em comparação com a PS3, cerca de 23%. E se olharmos para a Wii, a consola da Nintendo sairia a perder segundo os dois critérios, uma vez que tem apenas 45 jogos com uma média de mais de 80%, o que perfaz cerca de 12 % de todo o catálogo da consola.

As comparações foram ainda mais atrás no tempo. Segundo a teoria da Microsoft, a PlayStation 2 teria sido uma consola melhor do que a Xbox, com 320 jogos acima dos 80% (cerca de 20% do total de jogos da PS2), contra os 219 jogos (cerca de 26% do total de jogos da Xbox) da primeira Xbox. Justamente o inverso do que se está a passar actualmente.

Segundo a teoria da Sony, em que o que é importante é a percentagem de títulos que tenham grande destaque no catálogo, a melhor consola daquela geração teria sido a Dreamcast da SEGA, que conta com apenas 50 jogos acima dos 80%, mas que constitui um total de 35% de todo o seu catálogo.

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Contributor

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários

More Notícias

Artigos mais recentes