Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Sony e Insomniac planeiam doações para associação de apoio ao aborto

Após a polémica com Jim Ryan.

Há dias, reportámos aqui no Eurogamer que Jim Ryan, CEO da Sony, enviou um email aos seus funcionários onde pediu "respeito pelas diferenças de opinião" no que diz respeito ao aborto, se bem que a maior parte da mensagem que enviou foi dedicada ao aniversário dos seus dois gatos.

Isto vem no seguimento do caso Roe vs Wade nos Estados Unidos da América que, se for suspenso, irá efetivamente retirar uma série de direitos reprodutivos às mulheres.

Depois da gaffe de Ryan, e de acordo com informações do Washington Post, a Insomniac planeia doar 50.000 dólares à Women’s Reproductive Rights Assistance Project, uma organização sem fins lucrativos que "fornece assistência financeira urgentemente e necessária em todo o país para indivíduos que procuram serviços de aborto ou contracepção de emergência."

O artigo revela também que a Sony igualará a doação da Insomniac, juntamente com as doações dos funcionários individuais da Insomniac, se as fizerem através do programa "PlayStation Cares" da empresa.

Além disso, a Sony também planeia formular uma iniciativa para fornecer assistência financeira a funcionários que possam ter que viajar para diferentes estados para receber cuidados reprodutivos, com a Insomniac a ajudar na formulação dessa política.

De acordo com informações publicadas no Twitter de Nathan Grayson, escritor do artigo, a Insomniac também enviou um documento de "quase 60 páginas" para a PlayStation Studios cheio de mensagens de funcionários a pedir à liderança - Jim Ryan, em particular - para "fazer melhor pelos funcionários que são diretamente afetados".

Podes ver tudo em maior detalhe no artigo do Washington Post.

Sobre o Autor

Jorge Salgado avatar

Jorge Salgado

Redactor

Fã de cultura pop, séries jogos animes. É o nosso noobie.

Comentários