Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Skull and Bones gera preocupações internas na Ubisoft

Programador fala da falta de profundidade.

O desenvolvimento de Skull and Bones da Ubisoft tem sido muito conturbado, o projeto foi iniciado em 2013, tendo pelo caminho mudado várias vezes de direção e de conceito. Chegou a ser considerado como uma expansão para Assassin's Creed IV: Black Flag, ganhando depois contornos de um jogo individual com o nome Black Flag Infinite.

Após tantas mudanças, tivemos finalmente a confirmação e que chegará a 8 de novembro de 2022, mas a viagem atribulada parece que está a gerar preocupação para os lados da Ubisoft.

O Kotaku conseguiu informações de dentro da Ubisoft, com um programador a referir que o jogo tem falta de profundidade em muitas das áreas abordadas.

"De acordo com um programador, há pouco no jogo sobre piratas para além do que já foi mostrado quando reapareceu na livestream de demonstração no início deste mês. Apesar de uma série de simulacros de sobrevivência com recolha de recursos, eles disseram que cada parte individual do jogo carecia de profundidade."

Esta são afirmações preocupantes, dando a entender que Skull and Bones pouco mais terá para oferecer do que o que foi mostrado na livestream referida.

Estás preocupado com Skull and Bones?

Sobre o Autor
Adolfo Soares avatar

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Comentários