Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Salários do sector subiram 7% nos EUA

Média está nos 79 mil dólares/ano.

A crise económica internacional pode estar a afectar o entretenimento digital nos EUA, basta olharmos para a situação financeira de algumas editoras e produtoras que fecharam portas durante estes últimos meses. No entanto esta recessão não impediu que os salários em 2008 crescessem 7% nos EUA em relação ao ano anterior.

De acordo com a estimativa do site Gamasutra, a média de salários para 2008 ficou-se nos 79 mil dólares contra os 74 mil de 2007. Este aumento de salários é diferente em função dos postos de trabalho que se podem encontrar dentro do sector do entretenimento digital.

Sendo assim os postos que têm melhores salários são os altos cargos de executivos e directores (Senior Business), seguidos pelo pessoal de marketing e comunicação. Os programadores, os encarregados de produção e os responsáveis pelo som ocupam as seguintes posições no ranking dos salários. Os que menos ganham são os controladores de qualidade (QA testers) dos videojogos.

  • Senior Business: 131.085
  • Negócios/Marketing: 102.143
  • Programação: 85.024
  • Produção: 82.905
  • Áudio: 78.167
  • Arte/Animação: 69.532
  • Desenho: 67.379
  • QA testers: 39.571
  • Média: 79.000

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Contributor

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários