Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Editora reage às críticas em torno da incapacidade de efectuar upgrade de Control para a PS5 e Xbox Series X

Sabe que não é o que queres ouvir, mas nada mudará.

Quando a Remedy Entertainment anunciou que as actuais versões de Control não vão permitir o acesso às versões de próxima geração, apenas a nova Ultimate Edition, as críticas foram imensas.

A 505 Games, editora do jogo, foi chamada para a conversa por consumidores que tentam mudar a ideia da Remedy e impedir que sejam forçados a comprar novamente o jogo para o jogar na PlayStation 5 ou Xbox Series X.

A Ultimate Edition, que inclui as duas expansões e o jogo, será a única forma de obter upgrade gratuito para a PS5 e Xbox Series X, algo sobre o qual a 505 Games diz nada poder fazer.

"Passamos vário meses a explorar as nossas opções para o lançamento da Control Ultimate Edition e nenhuma decisão foi tomada de ânimo leve," diz a editora no site oficial de Control

"Apesar de ser desafiante levar qualquer jogo para as plataformas de próxima geração, percebemos rapidamente que era ainda mais difícil fazer o upgrade aos nossos utilizadores existentes com total paridade entre plataformas no nosso jogo que já tem um ano."

A 505 Games diz que explorou diversas opções e que em todas surgiram bloqueios que significavam deixar um grupo de jogadores fora do upgrade gratuito. Compreende que "isto não é o que querias ouvir", mas afirma que não conseguem oferecer o upgrade gratuito a todos.

No entanto, a editora diz que as versões base de Control serão retro-compatíveis e poderás jogá-las na PS5 ou Xbox Series X, mas provavelmente não terás acesso às melhorias feitas a pensar exclusivamente nessas consolas.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários