Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Razão pela qual Sony não escolheu tecnologia Projecto Natal

Não permitia oferecer certas experiências.

Durante o Engadget Show, foi apresentada uma demonstração do PlayStation Move e revelado o motivo pelo qual a Sony decidiu não optar pela tecnologia de controlo por movimentos baseada em câmeras 3D, semelhante à tecnologia usada pelo Projecto Natal.

As principais razões apresentadas foram que não permitia alcançar algumas experiências pretendidas e os custos de produção em redor dessa tecnologia.

"Nós experimentamos muitas câmeras 3D diferentes. Eu adoro a tecnologia da câmera 3D, pessoalmente, gosto da tecnologia em parte," disse Dr Richard Marks, da Sony América.

"Trabalhamos perto das nossas equipas para saber o que iria permitir, e o que permitiu fazer as coisas que já fizemos para o EyeToy mais robustas, mas não permitia tantas novas experiências como as que esperávamos que permitisse. Então tornou as coisas que já podíamos fazer uma pouco mais robustas, o que é bom, mas adiciona muitos custos e não permitia algumas outras experiências que queríamos alcançar."

Outra das razões apresentadas, foi a questão da funcionalidade em ambientes escuros. O PlayStation Move usa as esferas coloridas para orientação em situações com pouca luz.

"Algumas vezes uma tech demo não se traduz muito bem num produto, a luz no quarto tem que ser suficientemente boa para a câmera ver a cor com confiança, e isso faz um produto difícil quanto não tens controlo nessas variáveis."

Marcado com

Sobre o Autor

Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários