Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Queda das vendas nos EUA não retira optimismo no sector

Donwloads no Xbox Live cresceram 73% no semestre.

Como já vem sendo habitual em conjunto, com a publicação dos dados de vendas de videojogos e consolas nos EUA durante o mês de Junho, chegam-nos também as respectivas reacções das principais companhias do sector.

Também já se torna uma tradição que todas se mostrem muito optimistas com as suas consolas, apesar do passado mês de Junho ter registado a maior queda nas vendas desde Setembro de 2000.

Pattrick Seybold da SCEA comentou que, "Vinda da E3, não existem dúvidas de que a PS3 vai oferecer conteúdos de qualidade durante a segunda metade do ano. Com a situação positiva da PS3 durante os últimos dois ano e o lançamento de jogos de qualidade como inFAMOUS, estamos preparados para viver outro ano espectacular nas nossas plataformas."

Para a Microsoft, "As vendas da Xbox 360 durante o primeiro semestre cresceram 20% desde Janeiro até Junho em relação ao mesmo período do ano passado. Somos a única consola que cresceu durante a primeira metade do ano." Aaron Greenberg destacou o crescimento de 73% dos downloads pagos no Xbox Live durante o semestre e aposta em Halo: ODST como o próximo grande sucesso da Xbox 360.

A Nintendo, na voz da Cammie Dunaway, continua a manter a sua linha habitual e aposta nos novos jogadores. "Mais consumidores têm vindo a experimentar os nossos produtos que oferecem experiências de qualidade e um grande valor para toda a família. O público decidiu de novo escolher as nossas plataformas, principalmente a Nintendo DS."

O último comentário é da analista comercial do NPD Group, Anita Frazier, que destacou que os downloads digitais ainda não se sobrepõem às vendas de jogos em formato físico, logo estes não poderão ser considerados os causadores da grande queda de vendas.

"Embora parte da queda nas vendas nas lojas possa dever-se à distribuição digital, os nossos relatórios sobre downloads assinalam que este sector ainda não é suficientemente significativa para supor um verdadeiro impacto."

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários