Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

PS5 acima dos 19.3 milhões de unidades vendidas

PS4 nos 117.2 milhões de unidades vendidas.

A Sony anunciou que o número de consolas PlayStation 5 vendidas em todo o mundo até 31 de março de 2022 está nos 19.3 milhões de unidades.

No mais recente relatório financeiro, a companhia revelou que enviou 2 milhões de consolas PS5 para as lojas de todo o mundo nos primeiros 3 meses de 2022, uma forte descida no número de envios comparado com o mesmo período em 2021, quando enviou 3.3 milhões de consolas PS5 para as lojas.

A Sony também anunciou que as vendas da PlayStation 4 chegaram aos 117.2 milhões de unidades vendidas até 31 de março de 2022. Durante os primeiros 3 meses de 2022, foram enviadas 100 mil consolas PS4 para as lojas de todo o mundo, 900 mil unidades abaixo do número alcançado no mesmo período em 2021.

A companhia informou ainda os seus investidores que o número de subscritores PS Plus estava nos 47.4 milhões a 31 de março de 2022, uma descida de 200 mil subscritores comparado com o mesmo período em 2021.

O relatório financeiro, que acabou de ser apresentado e está agora a ser discutido com os acionistas e analistas, refere ainda que foram vendidos mais de 70.5 milhões de jogos PS5 e PS4 nos primeiros 3 meses de 2022.

Isto representa um aumento de 9.1 milhões de jogos vendidos sobre o mesmo período em 2021. Desse total, 14.5 milhões de jogos são first-party, um aumento de 6.6 milhões de unidades, comparado com o mesmo período em 2021.

A Sony registou ainda uma descida na venda de jogos digitais e se nos primeiros 3 meses de 2021 as vendas das versões digitais chegaram aos 79%, nos primeiros 3 meses de 2022 desceram para 71%.

Marcado com
Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários