Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Próximo ciclo de consolas pode ser o último

Será que o fim vem com PS4, X720 e Wii 2?

Os analistas da IBIS Capital anunciaram hoje a morte das consolas que deverão ser prejudicadas pela distribuição digital.

Os jogos pensados para os navegadores de Internet, os sistemas de distribuição digitais, o aumento de jogos nos telemóveis, mais em concreto no iPhone, ou até o chamado "cloud gaming", serão os inimigos número um da Nintendo, Microsoft e Sony.

Relembramos que o cloud gaming consiste na colocação de um terminal que o utilizador terá que ter consigo para poder jogar os jogos através de uma máquina distante, os jogadores não terão que se importar com a marca da sua consola nem com a configuração do seu PC.

Para a IBIS Capital a sua análise faz sentido uma vez que desenvolver jogos é cada vez mais caro e mais arriscado, como tal outro tipo de abordagens podem trazer menos riscos e menos custos. Segundo a empresa a próxima geração de consolas (PS4, Xbox 720 e a Wii 2) será a última, substituída pelos novos modelos económicos que se aproximarão de modelos já existentes como a App Store da Apple, que aposta nas micro-transacções, ou no cloud gamind do OnLive ou através dos Web games.

Os jogos com pequeno orçamento são menos arriscados do que os milhões que os jogos das consolas envolvem, como tal é natural que sejam mais aliciantes para as novas produtoras, no entanto a IBIS Capital não falou sobre os problemas de marketing e de comunicação colocados por estes modelos. Por exemplo o iPhone tem mais de 150 mil jogos disponíveis, mas uma grande parte deles é de qualidade duvidosa, apesar de custarem uma pechincha e de darem lucro às companhias. O mesmo se passa com os Web Games ou outro tipo de software gratuito, que se multiplicam a grande velocidade, talvez até grande de mais para o seu próprio bem.

Veremos se a IBIS Capital terá razão e se de facto a próximo geração de consolas será mesmo a última.

Marcado com

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários