Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Philips vence Nintendo em tribunal do Reino Unido

Juiz declara que duas patentes foram violadas pela Nintendo com a Wii.

A Philips venceu a Nintendo num tribunal do Reino Unido em que no centro do processo estavam patentes associadas às tecnologias usadas pela última no controlo de movimentos da Wii, noticia o Bloomberg.

O juiz Colin Birss declarou que a Nintendo violou as duas patentes da Philips, no entanto, negou que a violação de uma terceira patente, que consistia na recriação de um modelo corporal num ambiente virtual.

A Nintendo, não concordando com a decisão do juiz, vai apelar.

"A Nintendo tem uma longa história de desenvolver produtos inovadores enquanto respeita a propriedade intelectual de outros," disse a companhia depois da decisão. "A Nintendo está empenhada em assegurar que esta decisão não afetará as vendas da sua aclamada linha de hardware de videojogos, software e acessórios e vai procurar ativamente todos os passos legítimos necessários para evitar quaisquer interrupções do seu negócio".

Nos Estados Unidos a Philips também iniciou um processo contra a Nintendo, tal como foi notícia no mês passado. A intenção da Philips é ser recompensada pelos danos sofridos e impedir que sejam fabricadas, importadas e vendidos nos Estados Unidos os produtos da Nintendo a infringir as patentes em questão.

A vitória no Reino Unido não significa que o mesmo resultado será obtido nos outros países, mas um representante da Philips, Bjorn Teuwsen, disse que poderá ser uma ajuda. Um processo em tribunal devido a esta questão de infração de patentes está igualmente a decorrer na Alemanha e França.

Marcado com

Sobre o Autor

Jorge Loureiro avatar

Jorge Loureiro

Editor

É o editor do Eurogamer Portugal e supervisiona todos os conteúdos publicados diariamente, mas faz um pouco de tudo, desde notícias, análises a vídeos para o nosso canal do Youtube. Gosta de experimentar todo o tipo de jogos, mas prefere acção, mundos abertos e jogos online com longa longevidade.

Comentários