Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Para Will Wright a Wii pertence ao mercado dos brinquedos

No entanto criador dos Sims elogia Nintendo.

Em entrevista ao site Industry Gamers, Will Wright, conhecido por ter sido o criador de Os Sims, manifestou a sua opinião sobre a última consola doméstica da Nintendo alegando que a Wii pertence ao mercado dos brinquedos.

Will Wright disse que, "Acredito que a Wii é uma plataforma única, e é aí que reside o seu valor. Por isso tem sido um sucesso, porque é claramente diferente da Xbox da PlayStation. Acredito que na maior parte das vezes a Wii ofereça experiências muito divertidas, mas são outra classe de experiências; não são iguais às que te proporcionam um RPG de 40 horas, quando muito é como esses brinquedos com os quais jogas 5 minutos."

"É realmente divertido jogar acompanhado... Certamente que está dentro daquilo a que chamaria mercado de brinquedos, porque a maior parte dos jogos da Wii com os quais me diverti senti mais como sendo brinquedos do que como jogo," acrescentou ele.

Para Wright muitos dos produtores que apostam na Wii fazem isso com as melhores das intenções, embora acabem por ver como se afunda o barco em que haviam apostado as suas esperanças de sucesso.

O pai dos Sims reconheceu também o trabalho de desenvolvimento que leva a cabo a Nintendo, reconhecendo a sua grandeza como criadora de software e hardware.

"A Nintendo é a única companhia que investe tanto em software como em hardware, na actualidade aposta provavelmente mais em software que em hardware. Como tal sempre foi uma plataforma única nesse sentido, e quando entras neste mercado dás-te conta de que o maior concorrente que terás será sempre a Nintendo," explicou Wright.

Marcado com

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Colaborador

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários

More Notícias

Artigos mais recentes