Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

O que estamos a jogar - 8 outubro

Terror no espaço.

Olá, estamos de regresso com a nossa rúbrica semanal, na qual falamos de alguns dos jogos que temos jogado nas últimas semanas ou que ainda estamos a jogar.

Estes são os jogos que nos entusiasmam e que não conseguimos resistir a jogar, vendo as horas passar a voar.

Há sempre aquele jogo especial que não conseguimos largar, especialmente numa era de jogos que recebem conteúdos e atualizações meses ou anos depois do lançamento.

Há sempre aquele clássico que queremos repetir ou até mesmo descobrir pela primeira vez, um guilty pleasure que nos captura sem explicação ou uma ramificação de uma série popular para um novo género que queremos investigar.

Seja numa consola, PC ou até no mobile, há sempre algo que desperta a nossa empolgação e estamos constantemente à procura da próxima grande experiência que nos vai deslumbrar.

E tu, o que tens andado a jogar nestes últimos tempos? Nós queremos saber.

Dead Space

Esta foi a semana da chegada do primeiro trailer de Dead Space Remake, que mostrou um bocadinho de gameplay, estando o jogo ainda a alguns meses de distância. Com o sucessor espiritual a chegar em dezembro (The Callisto Protocol), dei por mim a instalar novamente o Dead Space original. Apesar dos anos já pesarem, é de salientar que este clássico envelheceu muito bem, demonstrando que estava muito à frente para o seu tempo. Obviamente que tem as suas limitações, mas consegue atingir níveis de angústia e terror como nenhum outro. Não vejo a hora de colocar as mãos no remake, para verificar o que a tecnologia de hoje consegue fazer para engrandecer esta pérola vídeojogável.

Adolfo


Session Skate Sim

Não consigo largar este jogo. Se não estou em cima da minha tábua num parque de skate, a minha vontade é estar a jogar isto. É muito mais difícil de que os outros jogos do seu género, mas também mais gratificante e realista. É fácil "perder" imenso tempo num só spot, a tentar executar os truques que me vêm à imaginação. A única coisa que me desagrada agora é a banda sonora, que não me entusiasma. Mas já arranjei solução: usar o spotify da PS5 para reproduzir bandas sonoras de vídeos reais de skate.

Jorge


Overwatch 2

Está a ser complicado jogar Overwatch 2. Ao contrário do esperado, o lançamento não aconteceu a 4 de outubro devido a ataques DDoS e somente a 5 de outubro foi possível jogar. A incapacidade de usar a funcionalidade de fusão de contas deixou-me sem Heróis e itens do primeiro jogo, os servidores continuaram a não conseguir responder à atura e as primeiras partidas pouco fizeram para evidenciar que é uma sequela. No entanto, a base é divertida e permanecerá na minha consola para continuar a jogar, à espera de melhorias.

Bruno


Taito Egret II Mini

Já em contagem descrescente para o fim da minha subscrição de 3 meses do Game Pass, continuando a tirar proveito de jogos como Forza Horizon 5, Gears of War, Immortality, entre outros, esta semana foi também dedicada a uma mini arcade recentemente disponibilizada no nosso território. Trata-se da Taito Egret II Mini, uma candy cab nipónica da Taito, que se destacou pelo seu ecrã rotativo ao permitir uma simples mudança para o modo TATE, com o qual os utilizadores podiam jogar os shmups de formato vertical. A mini Egret II é constituída por 40 jogos, possui um ecrã rotativo e apresenta um ecrã generoso e uma construção bastante sólida para este tipo de produções. A lista de jogos é boa, diversificada, das origens com Space Invaders, até Darius, o que faz um excelente compêndio para os fãs retro. Entretanto foi disponibilizada uma actualização que melhora alguns aspectos da experiência.

Vítor

Sobre o Autor
Adolfo Soares avatar

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Comentários