Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

O que estamos a jogar - 19 dezembro

E tu, a que jogos tens dedicado o teu tempo?

19 dezembro de 2021

Olá, bem-vindo a esta nossa rúbrica semanal, na qual falamos de alguns dos jogos que temos jogado nas últimas semanas ou que ainda estamos a jogar. Estes são os jogos que nos entusiasmam e que não conseguimos resistir a jogar, vendo as horas passar a voar.

Há sempre aquele jogo especial que não conseguimos largar, especialmente numa era de jogos que recebem conteúdos e atualizações meses ou anos depois do lançamento. Há sempre aquele clássico que queremos repetir ou até mesmo descobrir pela primeira vez, um guilty pleasure que nos captura sem explicação ou uma ramificação de uma série popular para um novo género que queremos investigar.

Seja numa consola, PC ou até no mobile, há sempre algo que desperta a nossa empolgação e estamos constantemente à procura da próxima grande experiência que nos vai deslumbrar.

E tu, o que tens andado a jogar nestes últimos tempos? Nós queremos saber.


Animal Crossing New Horizons

Este é o último o que estamos a jogar antes do Natal, e por isso nada melhor do que ingressar no mundo de Animal Crossing, onde a nossa ilha se mostra a preceito, já com a chegada abundante da neve. Um pouco por toda a parte são visíveis luzes coloridas, árvores e algumas actividades e mini jogos inspirados nesta quadra. Como de costume, tenho alternado o meu tempo entre a ilha e a versão Happy Home Paradise, o que nos deixa transitar de estações com imensa facilidade. Para quem prefira os climas tropicais e muita praia paradisíaca, Animal Crossing não fecha a porta.

Vítor


Ghost of Tsushima Director's Cut

Mais uma tentativa para terminar Ghost of Tsushima, é verdade. Jogos desta envergadura necessitam de muita dedicação, e depois do acrescento de mais conteúdo, Tsushima tornou-se numa jornada ainda mais prolongada. Tenho o perfeito entendimento que este tipo de jogos não pode ser jogado aos empurrões, mas não há tempo suficiente para uma dedicação mais séria. Tento jogar nos intervalos das obrigações, sendo sempre um deleite voltar a este conto japonês recheado de amor pela arte da Terra do Sol Nascente. Uma constatação permanente sempre que lhe dedico o meu tempo, é a necessidade inicial de me familiarizar com todas as suas mecânicas e voltar a absorver o encanto da sua jogabilidade.

Adolfo


FIFA 22

As minhas experiências com FUT 22 continuam, seja a jogar com amigos para experimentar alguns novos jogadores ou para construir uma equipa com base nos desafios de construção de plantel e compra ou venda de jogadores. FUT 22 é realmente uma experiência viva que te incentiva constantemente a jogar todos os dias para obter mais carteiras ou FUT Coins para comprar um jogador que se calhar nem precisas, mas não descansas enquanto não o descobrires. Começa a tornar-se irritante a insistência da EA Sports em cartas novas com ritmos de corrida acima dos 94, especialmente porque entre as mais recentes séries especiais de FUT 22, a maioria não teve grande impacto. No entanto, o desafio de perseguir constantemente as META e descobrir novos jogadores provou ser um grande vício.

Bruno


Halo Infinite

Esta semana continuei por Zeta Halo. Estou a gostar mais do que inicialmente, confesso. A jogabilidade está divinal e, aliada ao desafio, resulta num FPS agradável, que dá gozo jogar (como costumo dizer). Estou a saborear o mundo lentamente, sem pressas para chegar ao fim, sem seguir a linha recta que são as missões de história. Já desbloqueei várias habilidades para Master Chief, mas o gancho parece-me superior a tudo. Transforma completamente os combates e a deslocação pelo mundo. Tem aquela sensação de Breath of the Wild, em que podes explorar qualquer ponta do mapa, por mais alta que seja. Apenas gostava que o mundo tivesse um pouco mais de vida. De vez em quando vemos uns animais por Zeta Halo, que dão a sua graça, mas falta algo mais.

Jorge

Sobre o Autor

Adolfo Soares avatar

Adolfo Soares

Director

É o nosso homem do PC, por isso qualquer coisa é com ele. É também responsável pelo Eurogamer, bem como dá uma perna nas notícias.

Comentários

More Notícias

Artigos mais recentes