Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

O que estamos a jogar - 18 junho

As Tartarugas no oeste proibido.

Olá, estamos de regresso com a nossa rúbrica semanal, na qual falamos de alguns dos jogos que temos jogado nas últimas semanas ou que ainda estamos a jogar.

Estes são os jogos que nos entusiasmam e que não conseguimos resistir a jogar, vendo as horas passar a voar.

Há sempre aquele jogo especial que não conseguimos largar, especialmente numa era de jogos que recebem conteúdos e atualizações meses ou anos depois do lançamento.

Há sempre aquele clássico que queremos repetir ou até mesmo descobrir pela primeira vez, um guilty pleasure que nos captura sem explicação ou uma ramificação de uma série popular para um novo género que queremos investigar.

Seja numa consola, PC ou até no mobile, há sempre algo que desperta a nossa empolgação e estamos constantemente à procura da próxima grande experiência que nos vai deslumbrar.

E tu, o que tens andado a jogar nestes últimos tempos? Nós queremos saber.

Horizon Forbidden West

Após terminar Horizon Forbidden West, resolvi fazer o que supostamente se deve fazer, limpar o mapa. Se bem que o que mais me atrai são as missões ligadas à aquisição das armas mais poderosas e das armaduras lendárias. Estou nessa demanda, para depois encarar o New Game + de peito aberto e num nível de dificuldade superior. Sei que não irá durar muito tempo esta minha nova cavalgada, pois certamente que outros afazeres se irão intrometer pelo caminho, desviando o meu foco e dando-me outras razões para abordagens a géneros distintos.

Adolfo


Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder's Revenge

Em 2020, a Dotemu entregou uma poderosa dose de nostalgia com Streets of Rage 4, que no meio de colossos como Final Fantasy 7 Remake, Nioh 2, Animal Crossing: New Horizons, Resident Evil 3 e Xenoblade Chronicles: Definitive Edition, conseguiu figurar como do melhor do ano. Dois anos depois, volta a fazer o mesmo, mas com a ajuda da Tribute Games e com TMNT, uma das mais populares propriedades da década de 90. Este é um jogo arcada que presta homenagem aos clássicos da Konami, mas que se sente incrivelmente divertido mesmo nos dias de hoje. A banda sonora do português Tee Lopes é um mimo, o gameplay fácil, mas com profundidade e jogado com outros jogadores é sensacional.

Bruno


Teenage Mutant Ninja Turtles: Shredder's Revenge

Finda mais uma semana com destaque maior para o lançamento do novo jogo das tartarugas ninja. É um trabalho de enormíssima qualidade da Tribute Games, com edição da Dotemu, uma habitual em trazer pérolas do passado. Podendo falar agora sobre um dos jogos que mais joguei, depois de o terminar tenho dado atenção ao modo arcade e à pontuação a inscrever na leaderboard. Com limitação dos continues e uma dificuldade maior em selecção, o jogo pode revelar-se um autêntico teste às nossas capacidades, justificando mais precisão nos ataques e nas evasões. Mas a todo o momento podemos passar à acção caótica e frenética com 6 jogadores, numa autêntica limpeza das ruas de Nova Iorque.

Vítor

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários