Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Números fracos mostram que Bleeding Edge não conquistou os jogadores

Apenas 3 transmissões e 7 espectadores no Mixer.

Bleeding Edge é o mais recente lançamento da Xbox Game Studios, mas o jogo desenvolvido pela Ninja Theory não conquistou os jogadores.

Disponível na Xbox One, PC Windows 10, Steam e Xbox Game Pass desde 24 de Março de 2020, Bleeding Edge é um jogo de acção e combate online, no qual 2 equipas de 4 jogadores se enfrentam para dominar os objectivos.

No entanto, apesar de estar disponível apenas há duas semanas e acessível via Game Pass, Bleeding Edge não conseguiu conquistar os jogadores.

Ao passar pela lista com os 50 jogos mais jogados no Xbox Live não encontrarás Bleeding Edge (verificamos também a versão Portuguesa) e existem outros indicadores da fraca adesão ao jogo.

Números não oficiais indicam um pico de 828 jogadores no Steam e que na última hora foi jogado apenas por 138 pessoas, enquanto nos serviços de transmissão, o interesse é igualmente reservado.

No Mixer da Microsoft, estão no momento da escrita 3 pessoas a transmitir sessões de Bleeding Edge e apenas 7 a assistir.

Ao passar pelo Twitch, também poderás verificar que estão actualmente menos de 60 pessoas a assistir a Bleeding Edge e que o número de transmissões é igualmente pequeno.

Bleeding Edge foi lançado há duas semanas e este deveria ser um dos seus mais populares períodos, mas parece que os jogadores não ficaram rendidos aos encantos multi-jogador da Ninja Theory.

Num segmento altamente competitivo, será interessante ver o que a Microsoft faz para tornar o seu exclusivo mais popular.

Na nossa análise, que podes ler aqui, falamos num gameplay divertido e promissor, prejudicado por um sabor a acesso antecipado com escassez de conteúdos. No entanto, existe margem para melhorias e um futuro promissor.

Será que a baixa adesão motivará a Microsoft a apostar no jogo?

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários

More Notícias

Artigos mais recentes