Skip to main content

Número de mulheres protagonistas nos jogos da E3 ainda não chega aos dois dígitos

24 porcento dos jogos têm homens como protagonistas.

De acordo com o site Feminist Frequency, que no final da E3 revela dados estatísticos relativos aos papéis atribuídos a homens e mulheres como protagonistas nos jogos, ainda não é desta que o protagonismo dado a mulheres atinge os dois dígitos.

Apesar de títulos como The Last of Us Part II, Wolfenstein Youngblood e Battlefield 5, os jogos com mulheres como protagonistas, nesta E3, ainda não ultrapassam os 8 porcento, revelando consistência com os dados dos últimos anos.

Do lado masculino, cerca de 24 porcento dos jogos oferecem uma liderança clara a personagens masculinas. Metade dos jogos permitem escolher entre homem e mulher e cerca de cinco por cento dos protagonistas são ambíguos.

De acordo com as estatísticas, apenas 9 jogos têm como protagonistas mulheres, o que equivale a 8 porcento dos jogos mostrados

Por isso, entende a Feminist Frequency que a presença das mulheres nos videojogos ainda constitui um problema, que só será ultrapassado quando mais mulheres escreverem guiões para os jogos.

O relatório pode ser lido por aqui.

Lê também