Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Netflix perto dos 204 milhões de subscritores

Bateu todas as previsões.

A Netflix bateu todas as previsões para o crescimento no quarto trimestre do seu ano fiscal e conseguiu registar 203.7 milhões de subscritores em todo o mundo.

A companhia informou os investidores e acionistas que registou 8.5 milhões de subscritores (superior à previsão de 6 milhões), para um total de 37 milhões de novos subscritores em 2020. A Netflix amealhou 5.44 mil milhões de euros em receita e isto também representa um valor acima do que tinha previsto, tornando-se em mais um motivo de festa.

Apesar do aumento do preço das subscrições nos Estados Unidos e do aumento na competição, a Netflix conseguiu registar um crescimento num mundo que se encontra em isolamento social e a precisar de entretenimento.

The Crown Season 4, The Queen's Gambit e files como The Christmas Chronicles 2 ou Mank ajudaram a Netflix a alcançar estes valores altamente positivos e a manter-se à frente das novas concorrentes.

Comparativamente, o Disney+ alcançou 86.8 milhões de subscritores num ano, enquanto o HBO Max e Apple TV+ ainda tentam encontrar o seu espaço e apresentam propostas para aliciar mais subscritores.

Aos investidores, a Netflix diz que "é um momento incrível para ser consumidor de entretenimento. Existem diversas opções desde TV linear a videojogos a conteúdos criados pelos utilizadores no Youtube e TikTok. Continuamos a trabalhar no duro para crescer a nossa pequena percentagem de tempo de ecrã contra estes grandes concorrentes."

Marcado com

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários