Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Microsoft poderá fazer algumas concessões para aprovar a compra da Activision

Incluindo novo acordo com a PlayStation para Call of Duty.

A Microsoft está a preparar algumas concessões em torno da compra da Activision Blizzard para assegurar que as autoridades no Reino Unido e Europa aprova a compra que tanto tem dado que falar.

Segundo avançado pela Reuters, a preocupação em torno do desequilíbrio que Call of Duty no Game Pass e como possível exclusivo Xbox poderá trazer para a indústria terão uma resposta da Microsoft. A companhia vai preparar novo acordo mais específico com a PlayStation.

Phil Spencer já disse que lançará Call of Duty na PlayStation, enquanto a Sony lançar consolas, sem desejo de perder o dinheiro que os clientes PlayStation entregam à Activision. No entanto, a Sony mostrou-se descontente e preocupada com o futuro da série.

A Microsoft disse recentemente ao New York Times que propôs um novo acordo de 10 anos para Call of Duty na PlayStation e a Reuters diz agora que isso vai mesmo seguir em frente.

As concessões em preparação na Microsoft vão-se focar especialmente na PlayStation e Call of Duty, para tentar tranquilizar as autoridades da concorrência e conseguir a aprovação, diz a Reuters.

Atualmente, a compra da Activision está a ser investigada por 16 autoridades da concorrência em todo o mundo.

Sobre o Autor
Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários