Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Microsoft não pede desculpas pelas expulsões no Xbox Live

Perto de 1 milhão de utilizadores foram banidos.

Chris Lewis, chefe europeu da Xbox, disse que a Microsoft não vai pedir desculpas por ter expulsado do Xbox Live quem tivesse modificado as suas consolas.

Em declarações à Sky News, Lewis foi peremptório ao dizer que continua comprometido em acabar com a pirataria nas consolas Xbox.

"Não é apenas um problema para a Xbox, é um problema para toda a indústria em geral e para a Microsoft em particular," comentou ele. "É evidente que é muito importante para nós protegermos os 10 milhões de clientes que temos na Europa, pelo que levamos isto muito a sério."

"Se para nós é claro que alguém está a descarregar cópias piratas ou que modificou a sua Xbox de alguma forma que lhe permita jogar jogos que não comprou de forma legítima, encerramos a sua conta e não vamos pedir desculpas por isso."

A Microsoft continua sem dar números oficiais, mas a nível mundial estima-se que cerca de um milhão de utilizadores possam ter visto as suas contas anuladas.

Marcado com

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Contributor

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários