Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Microsoft e Nintendo pedem aos funcionários para trabalhar a partir de casa devido ao coronavírus

Medidas para proteger a saúde nos Estados Unidos.

A Microsoft e a Nintendo decidiram tomar, como medida preventiva, a decisão de pedir a alguns funcionários nos Estados Unidos da América para trabalharem a partir de casa.

Esta medida, tomada perante a evolução da situação em torno do coronavírus, é focada nos funcionários em Seattle e São Francisco, para proteger a sua saúde e evitar o risco de contágio.

Tal como partilhado pelo GI.biz, a Microsoft pediu aos funcionários nessas duas localidades para trabalhar a partir de casa e recomenda evitar viagens aos espaços da companhia, limitar a duração das reuniões em pessoa e manter distância entre pessoas.

"Estas medidas vão assegurar a tua segurança e também tornam o local de trabalho mais seguro para os que têm de estar lá," diz a Microsoft.

Em Seattle, já foram registados 83 casos de coronavírus e 17 mortes, sendo o local com o grau mais elevado de infecções.

Assim sendo, também a Nintendo of America decidiu adaptar-se à situação e permitirá que os seus funcionários em Seattle e São Francisco trabalhem a partir das suas casas.

Segundo comentado com o Kotaku, a Nintendo coloca a saúde dos seus funcionários em primeiro lugar e acompanha de perto dos desenvolvimentos em torno do coronavírus.

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários