Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Kojima sentiu-se pressionado para fazer MGS5

No entanto ainda não revelou o que tem em mãos.

Hideo Kojima admitiu que existe muita pressão para que continue a trabalhar na série Metal Gear Solid, mesmo até depois de ter dito várias vezes que Guns of the Patriots seria o seu último jogo.

"Claro, há definitivamente muita pressão," disse Kojima ao site Kikizo.

"Não pertencemos completamente à Konami, por isso essa pressão deverá ser feita de uma forma mais ligeira, mas como a Kojima Productions fazem parte da Konami e a Konami olha para o lado dos negócios, sim, eu sinto pressão lá, que será a necessária para continuarmos a ser bem sucedidos na continuação da série."

Kojima já tinha falado sobre este assunto na Game Developers Conference do mês passado quando descreveu que a sua missão final seria o próximo MGS.

Na altura ele tinha comentado que queria que o jogo tivesse uma abordagem que misturasse a filosofia de desenvolvimento Japonesa com a Ocidental.

"Penso que está na altura de olharmos para fora do Japão," disse ele na entrevista com a Kikizo. "O que é que podemos abosver, o que podemos copiar desses produtores ocidentais? Que tipo de passos devemos dar como Kojima Productions para mudar para melhor e continuar a ser um estúdio forte a nível global? É o que temos andado a pensar agora."

No que Kojima está a trabalhar neste momento, não existe uma única pista, a não ser o que ele disse no mês passado: "Será feito um anúncio oficial de um jogo na E3."

Sobre o Autor

Luís Alves avatar

Luís Alves

Contributor

É o nosso super-homem. Não existe nada que o Luís não saiba e o seu conhecimento da indústria é longo, permitindo-lhe estar sempre à frente de todos. É o homem que nunca dorme.

Comentários