Se clicares num link e fizeres uma compra, poderemos receber uma pequena comissão. Lê a nossa política editorial.

Ken Levine "matou" filme de BioShock

Processo atrasou-se e complicou-se.

Em conversa com os Ingleses do Eurogamer, Ken Levine do Irrational Games confirmou finalmente que o filme de Bioshock está morto.

O director criativo do estúdio responsável pelo aguardado Bioshock Infinite, confirmou que Gore Verbinski de Piratas das Caraíbas iria ser o director de um filme de Bioshock com muita sangue e com grandes ambições.

Depois Watchmen saiu e foi um sucesso, o que deixou o estúdio com medo. Verbinski queria 200 milhões de dólares mas os executivos apenas davam 80 milhões, o que não agradou ao director.

Entrou em cena um novo director, Juan Carlos Fresnadillo, de 28 Semanas Depois, mas acabou por sair e o projecto morreu.

"Trouxeram outro director mas não via mesmo ligação ali - e a 2K é uma daquelas companhias que coloca muita confiança criativa nas pessoas, portanto disseram se o quiseres matar, mata-o. E matei-o," disse Levine.

"Pode acontecer um dia, quem sabe, mas teria que ter a combinação certa de pessoas."

Sobre o Autor

Bruno Galvão avatar

Bruno Galvão

Redator

O Bruno tem um gosto requintado. Para ele os videojogos são mais que um entretenimento e gosta de discutir sobre formas e arte. Para além disso consome tudo que seja Japonês, principalmente JRPG. Nós só agradecemos.

Comentários